Sábado Set 23

Arquivo

ruído/mm

Atenção, abrir em uma nova janela. ImprimirE-mail
Twittar este Artigo
Quinteto instrumental curitibano celebra ano de bons frutos com um objetivo: não ter planos para o futuro

ruído/mm: fortalecido pela distância
Texto por Bianca Sobieray
Foto: Divulgação

Em 2011 eles lançaram novo disco, intitulado Introdução À Cortina Do Sótão, e figuraram em várias listas de melhores do ano. Isto tanto com o novo álbum quanto com os shows. Como no ano de qualquer pessoa (ou grupo) mudanças aconteceram: Ramiro foi de mala e cuia trabalhar no Rio de Janeiro.

Mas, se você está pensando que a distância enfraqueceu o laço entre os ruidosos curitibanos Ramiro, Farina, Panke, Pill e Liblik, se enganou. “Ouso dizer até que estamos mais produtivos desde que tivemos que começar a lidar com a distância. Conversamos diariamente pela internet e até elaboramos um esquema de composição online, para compartilharmos novos temas e complementarmos as ideias uns dos outros.”, afirmou Panke.

Ouvindo o disco, e lendo a entrevista concedida pelos integrantes por e-mail, é fácil perceber que toda a sintonia traduzida em música vem de um forte laço de amizade. Para se ter uma ideia, o novo trabalho vem sendo produzido desde 2008, ano de lançamento do então mais recente álbum, A Praia. E, segundo Ramiro, o novo disco é composto por “músicas que foram assimiladas pelos novos integrantes no decorrer destes três anos e que culminou na versão do disco. A criação do ruído baseia-se no consenso e na tentativa de rodar fumaça em torno de novas ideias, sempre!".

Para quem já acompanha o trabalho do quinteto vai mesmo perceber algumas mudanças em Introdução À Cortina do Sótão. Os próprios admitem estarem “menos barulhentos e enérgicos. Cada disco do ruído/mm tem sua história. Desta vez estamos num devaneio longo, onde a confusão das ideias ao mesmo tempo que te apavora, encanta.”. O resultado dessa construção foi um post-rock refinado, que faz o ouvinte mergulhar em seus pensamentos, gerando em cada pessoa uma impressão/emoção distinta.

Falando em post-rock, o gênero tem se multiplicado, inclusive em terras tupiniquins. Bandas e selos estão enveredando por esse caminho. Este é o caso do Sinewave, selo virtual que lançou Introdução... e do qual fazem parte bandas de estilos como este rock instrumental, o noise rock, o shoegaze e outros não muito convencionais. No total, 55 bandas fazem parte do selo, que também é responsável pelo Sinewave Festival, realizado periodicamente em capitais como São Paulo e Curitiba. “Sinewave é uma netlabel de malucos que acreditam que outros malucos são os malucos certos para fazer maluquices juntos. Então, tudo a ver conosco.”, define Ramiro.

Com a presença maciça em muitas listas de melhores do ano, o ruído/mm fecha 2011 com um único plano para o futuro: não ter planos. E, pensando bem, isto tem muito a ver com eles mesmo.

Artigos Relacionados:
Artigos Relacionados - Antigos:

Comentarios (0)Add Comment

Escreva seu Comentario
menor | maior

security code
Escreva os caracteres mostrados


busy

Novos Downloads

Vanilla Dreams (mb extra) Punkake
Vanilla Dreams (mb extra)
Wasabi EP (mb 93) Magaivers
Wasabi EP (mb 93)
Bunch Of Grapes (mb 92) Tangerines And Elephants
Bunch Of Grapes (mb 92)

Videos Recentes

View Video
The Gate
View Video
Pleasure (Live)
View Video
Vaza Daqui
View Video
White Mustang
View Video
Ti Amo (Live In Teatro Bibiana, Mantova)
View Video
Menino Carioca
View Video
Lift
View Video
Dom Surfer
View Video
Sem Nome Mas Com Endereço